O que é Golpe de Aríete e quais são suas Causas

Caso você não saiba, o aríete é uma máquina de guerra bastante utilizada durante o período da idade média. Ela era utilizada para arrombar portas de castelos e fortalezas, sendo capaz, até mesmo, de destruir e danificar muralhas.

De modo geral, os arietes eram construídos a partir de troncos de árvores bastante resistentes, como o freixo, por exemplo. Além disso, colocava-se uma peça de metal na sua ponta, podendo ela ser de ferro ou de cobre.

O objetivo desse tronco era fazer movimentos de ida e volta, onde a sua ponta se colidiria com a barreira que estivesse à sua frente até que ela cedesse de uma vez por todas. E, a cada nova colisão, havia um estrondo.

Não precisamos nem dizer que nos dias de hoje essa máquina já não existe mais. Aliás, essa breve introdução serviu apenas para te explicar qual é a origem de um certo som que pode ser bastante problemático dentro das indústrias.

Estamos falando do Golpe de Aríete. Um fenômeno hidráulico que pode ocorrer em túbulos, válvulas e conexões.

E se você quer conhecer mais sobre esse fenômeno, quais são suas causas e o quão problemático ele pode ser, é só nos acompanhar nesta leitura.

O que é Golpe de Aríete

“Bang”, é um som parecido com esse, semelhante a um golpe de martelo, que ocasionalmente pode ocorrer em sistemas hidraúlicos.

Trata-se do golpe de aríete. Um fenômeno que não está tão distante do nosso dia a dia, ainda mais se você morar em um prédio com muitos andares, onde a pressão dentro das tubulações é consideravelmente maior.

Afinal de contas, é justamente a pressão a principal responsável pela ocorrência desse fenômeno. O golpe de aríete ocorre quando existe uma variação da pressão muito grande dentro do sistema.

Essa variação de pressão gera uma espécie de grande pancada, um golpe, como se um aríete se chocasse com algum muro ou portão. 

E o grande problema dessa ocorrência é que esse golpe pode, até mesmo, vir a romper e danificar o sistema, causando vazamentos e outros tipos de desperdício, uma vez que ele coloca em xeque o pleno funcionamento do sistema.

Quais são suas Causas do Golpe de Aríete

O golpe de aríete é uma grande preocupação de indústrias cujos sistemas funcionam a base de vapor. Afinal de contas, existem duas grandes causas deste fenômeno neste tipo de indústria e que são capazes de danificar válvulas, tubulações e outros equipamentos.

Sendo elas:

Golpe de Aríete: Condensado em alta velocidade

Nesse primeiro caso nos referimos a um sistema onde existe um fluxo de vapor, que percorre a tubulação em alta velocidade.

Em sistemas assim, algo que pode vir a acontecer é a formação de condensado devido a perda de calor radiante. Quando isso ocorre, o vapor cede espaço para que o condensado percorra a tubulação.

Lembrando que condensado nada mais é do que a água na sua forma líquida. 

À medida que esse condensado é guiado pela tubulação, são geradas ondulações que fazem com que o valor do condensado cresça gradativamente. 

O que é natural uma vez que ele faz com que a temperatura do vapor caia fazendo com que esse vapor também se transforme em volume condensado.

Agora pense, um valor condensado, cujo peso é bem maior do que o de vapor, sendo guiado em alta velocidade, o que vai acontecer quando ele se chocar com uma curva da tubulação, ou uma válvula, por exemplo?

É a partir desse impacto que ocorre o golpe de aríete, causado pelo condensado em alta velocidade.

Golpe de Aríete: Condensação súbita do vapor  

No segundo caso o condensado também está presente. Porém, diferente do caso anterior onde estamos lidando com uma tubulação com fluxo de vapor em que o condensado é formado gradativamente, neste outro caso o condensado já está presente.

Não só isso, mas ele também se encontra em uma temperatura mais fria, o que faz com que o vapor, ao entrar em contato com ele, se esfrie rapidamente.

Aqui, o problema surge porque quando o vapor tenta fluir, ocupando o espaço que até então estava preenchido pelo condensado, cria-se um vácuo. Na incapacidade de fluir, esse vapor se condensa e logo se expande, atravessando esse vácuo e colidindo entre si.

Embora ambos os casos tenham o potencial de causar grandes impactos, com capacidade de gerar problemas ao sistema, esse segundo é muito mais frequente. 

E o que pode explicar isso é que, diferente do primeiro caso que ocorre exclusivamente em sistemas de recuperação de condensado, o segundo pode ocorrer em linhas de distribuição de vapor e em equipamentos que utilizam vapor.

 

Soluções da Nepin que Podem te ajudar

Golpes de aríete são uma realidade e podem ser bastante prejudiciais em empresas onde o vapor, como fonte de energia, é bastante utilizado.

Porém, existem maneiras eficazes de reduzir a sua frequência e minimizar os seus danos. Como, por exemplo, a manutenção dos equipamentos, é claro.

Outra maneira de lidar com esse problema é através da compra de bons equipamentos, que são resistentes ou ajudam, na sua funcionalidade, a evitar os golpes de aríete.

E aqui na Nepin você pode encontrar diversas dessas soluções capazes de lidar com esse problema. Tais como:

Confira esses e outros produtos que nós disponibilizamos aqui no nosso site. E, no caso de dúvidas, é só entrar em contato que a nossa equipe vai ajudar você a encontrar a melhor solução para a sua empresa.

Deixe um comentário